domingo, 20 de fevereiro de 2011

CORINTHIANS: FENOMENAL REI DOS CLÁSSICOS

Com dois gols de Fábio Santos e um gol fenomenal de Liédson o Corinthians vence o Santos por 3 a 1 e é o único invicto do Campeonato.

Antes do jogo, Ronaldo recebe homenagem e uma placa das mãos do Presidente Andrés Sanches. Em mais uma homenagem, os jogadores entraram em campo com números decimais que possuíam o 9.  

O Santos veio para o Pacaembu com pompa de favorito, com um time aparentemente mais entrosado e contado com Neymar em campo. O Corinthians jogava em casa, mas todos os palpites (até o meu) era que o Santos venceria.

Mas quando começou o jogo, viu-se um jogo diferente do que se imaginava. O Corinthians entrou com uma formação contando com três atacantes velozes, Dentinho, Liédson e Jorge Henrique. Um meio campo muito compacto e tendo o retorno dos atacantes Dentinho e Jorge Henrique para fortalecer o meio. E a defesa era uma incógnita, pois retornava Fábio Santos e Chicão não jogou, dando lugar a Wallace. E assim o técnico Tite confiou na formação 4-3-3.

O Santos, do técnico Adilson Batista, foi bem previsível e veio a campo com a formação 4-4-2, só que não contava com um jogador de área e apostava em Neymar mais aberto pela direita, Diogo pela esquerda e as chegada de Elano pelo meio.

O Corinthians no primeiro tempo engoliu o Santos, só permitindo um cruzamento para área que Durval cabeceou por cima do gol. Neymar era bem marcado por Wallace e o cérebro do time, Elano, era marcado de perto por Ralf. Desse modo o técnico Tite acabou com as possibilidades de o Santos chegar ao gol alvinegro da capital

O Corinthians era superior, com mais posse de bola e deixando o Santos desnorteado em campo, mas o gol só saiu de bola parada. Aos 23 minutos em uma falta pela direita, Fábio Santos acerta um chute "fenomenal" e a bola vai no ângulo esquerdo do goleiro Rafael, golaço. Confira os melhores momentos no vídeo abaixo.
O Timão continuou dominando, deu tempo até de Ralf dar um belo chapéu em Neymar no meio de campo, que levou a galera a loucura (Chicão está vingado)

Só que aos 41 minutos o Santos achou o gol de empate. E que achado, foi um golaço de Elano, o sétimo dele no campeonato que se isola na artilharia.

No segundo tempo o Santos iniciou com uma boa oportunidade de gol com Elano, mas Julio Cesar estava lá para fazer uma defesa "fenomenal". Mas ficou só nisso, pois tirando esse lance o Santos não teve mais nenhuma situação que indicasse uma possível reação. O time continuou a ser envolvido pelo Timão, que tocava bem a bola, fazendo com que o Santos corresse.

Aos 15 minutos em uma jogada "fenomenal" de Dentinho que passou pelo primeiro jogador santista, invade a área, pedala para cima de Adriano que o derruba e o arbitro, sem duvida, marca o penalti. Fábio Santos, o cara do jogo, bate no canto esquerdo e marca o segundo gol do Timão.

Depois desse gol o Corinthians recuou a marcação e passou a esperar o Santos para assim usar o contra ataque. O Santos passou a erra muitos passes e não conseguiam se aproximar do gol corintiano. O nó que o Tite deu em Adilson Batista funcionou muito bem. O Santos não deu nenhum trabalho e aparentava que o time corintiano jogava a um bom tempo juntos, pois mostraram um ótimo entrosamento.

O Corinthians jogava com uma disciplina tática fora do comum e não dava nenhuma chance ao Santos. Essa disciplina foi coroada aos 41 minutos, em uma bola roubada por Ralf ainda no campo de defesa que passou para Liédson. O atacante levezinho avança com velocidade e na saída de Rafael, dá uma cavadinha "fenomenal" e marca o seu quinto gol em quatro jogos e o terceiro do Timão na partida. Números finais da partida, Corinthians 3, Santos 1.

Com essa vitória o Corinthians se torna o único invicto do campeonato e assume a segundo lugar com 19 pontos, um ponto a menos que o Palmeiras.

Opa, já ia me esquecendo. 
O Neymar, alguém viu o Neymar? Acho que ele ficou no Peru.

O QUE VEM PELA FRENTE?
No sábado às 19hs30, o Corinthians receberá o Grêmio Prudente.
Já o Santos no mesmo dia, uma hora antes, receberá o São Bernardo na Vila Belmiro.

0 Comentários:

Postar um comentário