quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

VELHO SONHO, NOVAS ESPERANÇAS

TIMÃO VAI COM O QUE TEM DE MELHOR PARA A PRIMEIRA PARTIDA DA PRÉ-LIBERTADORES

Segundo o presidente Andrés Sanches, antes de conquistar o primeiro titulo da Libertadores é preciso pegar experiência, sendo assim, o clube esta no caminho certo; se passar pelo Tolima será a segunda participação consecutiva. No ano de 2010 o Timão fez uma excelente primeira fase, mas não conseguiu passar pelo Flamengo nas oitavas de final.

Porém esse ano o técnico Tite conta com uma equipe mais entrosada do meio para frente, em relação ao elenco considerado titular no ano passado, não conta apenas com Elias que foi negociado com o Atlético de Madri e William que se aposentou.

Hoje o Corinthians entra em campo pela fase chamada prévia da Libertadores, espécie de uma repescagem, isso por que perdeu o terceiro lugar do campeonato Brasileiro do ano passado para o Cruzeiro. Enfrentará o Tolima da Colômbia, em jogos de ida e volta, o primeiro será no Pacaembu e vai a campo com o que tem de melhor: Júlio César, Alessandro que volta depois de uma catapora, Chicão, Leandro Castán, Roberto Carlos que acredita e declara que o Corinthians pode golear o Tolima e abrir boa vantagem para o segundo jogo; Ralf, Jucilei e Bruno Cesar; Jorge Henrique, Dentinho e Ronaldo (4-2-3-1).

Vai a campo com uma formação vitoriosa em 2009 com o técnico Mano Meneses, conquistando o Campeonato Paulista e Copa do Brasil, porém com peças diferentes. Júlio César substitui Felipe, Alessandro e Chicão continuam, Leandro Castán no lugar de Willian, Roberto Carlos no lugar André Santos; Ralf, Jucilei e Bruno Cesar substituem Cristian, Elias e Douglas; Jorge Henrique, Dentinho e Ronaldo continuam.

Com essa formação o Corinthians vai para cima, explorando as jogadas de linha de fundo com Dentinho e Jorge Henrique, os avanços de Jucilei pelo meio e dos laterais buscando a genialidade de Ronaldo isso sobre a batuta de Bruno Cesar. Para a defesa a zaga ainda não esta muito bem entrosada, pois não conta mais com o capitão William e Leandro Castán assumiu sua vaga, mas Chicão se dá bem nas coberturas e Jorge Henrique, como sempre o motorzinho em campo ao lado do cão de guardas Ralf, volta para recompor o meio e dar segurança a defesa.

O Corinthians também é muito forte nas cobranças de falta, com a classe de Chicão, a força de Roberto Carlos e os chutes de longa distancia de Bruno Cesar.

O Tolima vem para esse jogo considerando ser o jogo da vida, pois passando de fase o grupo garante mais de um mês de salário, pois a cada fase alcançada são R$ 16 mil no bolso. Não é um time de tanta expressão, mas vem para São Paulo a fim de se mostrar e roubar a oportunidade do Timão seguir na Libertadores.

São Paulinos, Palmeirenses e Santistas  também estão na torcida....

Contra!!!

A CAMISA TAMBÉM É NOVA
Nesse jogo será utilizada nova camisa.

0 Comentários:

Postar um comentário