sábado, 30 de março de 2013

Bayern de Munique aplica massacre histórico no Hamburgo: 9 x 2

O Bayern de Munique comprovou neste sábado que é o melhor time desta edição do Campeonato Alemão e humilhou o Hamburgo com uma goleada histórica por 9 x 2. Em casa, a equipe do técnico Jupp Heynckes exibiu o pleno controle do jogo e contou ainda com atuação inspirada de Pizarro, que balançou as redes quatro vezes.
O time de Munique precisava de uma combinação de resultados para ser campeão com antecedência já neste sábado, mas a vitória do vice-líder Borussia Dortmund no início da rodada impediu matematicamente a conquista.
Mesmo assim, o Bayern vive situação extremamente tranquila, com 72 pontos, 20 a mais que o Borussia, restando sete rodadas para o término da competição.
Mesmo sabendo no início do confronto que ainda não poderia ser campeão, o Bayern começou com ritmo forte. Aos cinco minutos, o meia Shaqiri recebeu na intermediária, carregou até a meia-esquerda e bateu rasteiro, cruzado, sem dar chance ao goleiro. Com amplo domínio, o Bayern ampliou pouco depois.
O holandês Arjen Robben bateu escanteio curto para Shaqiri, que carregou e cruzou na primeira trave para Schweinsteiger cabecear livre para as redes. Sem piedade, o time de Munique marcou mais um, aos 31. Robben bateu escanteio de novo e, depois de desvio na primeira trave, o peruano Pizarro completou para as redes. Com um ritmo avassalador, o Bayern marcou o quarto, apenas dois minutos depois. Robben avançou pela direita e tocou para Pizarro, que devolveu de calcanhar para o holandês fazer o gol.
No último lance do primeiro tempo, Shaqiri chutou e acertou a trave, sendo que o rebote sobrou para Pizarro assinalar mais um, comprovando o motivo de o Bayern ser o melhor time disparado da competição.
Na volta do intervalo, o Bayern continuou arrasador. Robben cruzou da direita e Pizarro completou de letra para as redes. Um minuto depois, o peruano tocou para o holandês, que bateu por cobertura e fez o sétimo.
Sem diminuir o ritmo, Pizarro recebeu livre na pequena área e só empurrou para as redes, fazendo o oitavo. Do outro lado, o Hamburgo descontou aos 30 minutos, com gol de Bruma.
Porém, no minuto seguinte, Ribéry assinalou o nono gol, transformando a goleada na pior derrota da história do Hamburgo no Campeonato Alemão. Já no fim do confronto, Westermann marcou o segundo de consolo para o Hamburgo.
Fonte: placar

1 Comentários:

  1. Clériston, eu assisti este uns 25 minutos do segundo tempo deste jogo e ainda estava 8x0, me espantei em saber que Hamburgo tenha feito dois ainda.

    É provável que o Ralf irá jogar no Bayer de Munique no segundo semestre.

    Abraços...

    ResponderExcluir