terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

SÃO PAULO RETORNA A LIBERTADORES E QUER SER TETRA!

E aí galera Apaixonada por Futebol!

Começa nesta quarta-feira a fase de grupos da Libertadores da América para os times brasileiros. E o início da competição traz a reboque a possibilidade do futebol brasileiro alcançar um feito inédito nela: emendar quatro títulos. Campeão com o Inter em 2010, com o Santos em 2011 e com o Corinthians em 2012, o Brasil busca seu primeiro tetra no principal campeonato da América do Sul. É um reflexo da soberania que o país passou a ter nos últimos anos no torneio.














O Brasil colocou pelo menos um clube em todas as oito últimas decisões da Libertadores. São dez finais em 11 anos - a exceção foi 2004, quando o Once Caldas, da Colômbia, bateu o Boca Juniors, da Argentina. Aumentando um pouco o leque, a presença verde-amarela em decisões se torna ainda mais forte: 18 vezes em 21 anos, desde 1992.
As datas de 23 de maio de 2000 e 05 de agosto de 2010 são distantes, mas têm algo em comum para os protagonistas da primeira partida dos brasileiros na Libertadores 2013. Significam para Atlético MG e São Paulo a última partida disputada pelo Torneio Continental, respectivamente.
O Galo volta a disputa após 13 anos, sua última participação foi reduzida pelo Corinthians que eliminou a equipe mineira nas quartas de final. Já o Tricolor Paulista foi eliminado em 2010 pelo Internacional e de lá para cá não voltou mais a disputa.
O retorno são paulino, vem cheio de expectativas  mesmo com a saída do que poderia ser seu diferencial na disputa. Lucas deixou uma grande lacuna no time e Ney Franco quebra a cabeça para montar o time e encontrar um substituto para a joia que saiu e está se adaptando muito bem ao seu novo clube (PSG).
Para essa partida, o São Paulo vem melhor preparado quando levamos em consideração o número de jogos disputados neste ano, são 10 (intercalando titulares e reservas) contra apenas 2 do galo. Mas quando falamos de entrosamento por tempo de montagem de elenco, o Galo Mineiro leva grande vantagem e isso poderá ser determinante para o resultado do jogo, sem falar no fator campo e torcida, o Atlético joga em 'casa'.
Será difícil para o São Paulo segurar o quarteto Mineiro, formado por: Bernard, Diego Tardelli, Jô e, o maestro e experiente, Ronaldinho Gaúcho. Por outro lado, se o Galo for com muita sede ao pote, poderá sofre com os contra ataques fulminantes encabeçados por Luis Fabiano, o perigoso do Morumbi.
De antemão, acredito na classificação das duas equipes e vida longa para o Tricolor Paulista, mas para este primeiro jogo, 2 a 1 para o Atlético - MG.

0 Comentários:

Postar um comentário