domingo, 25 de setembro de 2011

"UAI, SÔ! TÁ NADA BAUM!"

Essa é a frase que mais se deve estar sendo falada nas regiões mineiras entre os torcedores de América, Atlético e Cruzeiro. Rivais dentro de campo, mas convivem com uma realidade em comum, a zona da degola.

O coelho é o primeiro a ser rebaixado, ocupa a incomoda e cruel vigésima colocação desde a decima terceira rodada.

O Atlético é o decimo sétimo colocado, na oitava rodada sentiu pela primeira vez a péssima colocação, na rodada seguinte saiu e passou a oscilar. Mas na decima sexta rodada, assumiu as perigosas posições e a cada rodada que passa se firma cada vez mais como provável rebaixado.

E o Cruzeiro, hein? Sensação da primeira fase da Libertadores e eliminado nas oitavas de final, está chegando para disputar essas posições rejeitadas por todos.

A vigésima sexta rodada foi a pior para o trio mineiro, América sofreu a virada do Mengão e ressuscitou o time carioca, que não vencia há dez jogos. O Coelho marcou com Kempes, mas sofreu o empate em gol de Deivid e a virada veio em gol chorado de Thiago Neves.

O Galo foi ao Beira-Rio encarar o Internacional e colecionou mais uma derrota no campeonato. Sofreu o gol no primeiro tempo, empatou no segundo, mas se permitiu a derrota no minuto de número 31 e não teve folego para buscar um novo empate.

A maior decepção desse BRA fica por conta do Cruzeiro, que foi apontado como um dos favoritos ao titulo pelo que apresentou na primeira fase da competição continental. Vamos recordar? Em seis jogos alcançou o aproveitamento de 89% dos pontos disputados. Com cinco vitórias, um empate, vinte gols marcados e apenas um sofrido, se classificou em primeiro no grupo sete. Mas essa campanha subiu a cabeça e foram eliminados pelo tinhoso Once Caldas, nas oitavas de final. E hoje confirmou a decepção, com uma derrota vergonhosa diante do Vasco por três a zero com direito a show de Diego Souza, que marcou os três gols.

Como pode equipes como Cruzeiro e Atlético estarem brigando para não cair? E o América, vence o Vasco por 4 a 1 e não consegue dar sequencia nos bons resultados. Os torcedores americanos só comemoraram três vitórias no torneio e na primeira rodada vislumbrou na quinta colocação, mas a partir da segunda a equipe virou "coelho em queda livre".

Se os mineiros não abrirem os olhos, poderemos ter um torneio no ano que vem sem representantes desse povo maravilhoso. Dessa vez "comer quietinho" não está funcionando e a segunda divisão está ficando "logo ali, uai!".

2 Comentários:

  1. Brother, o sinal amarelo já esta ligado há bastante tempo pra esses três. Não creio que o Cruzeiro caia, mas América e Galo passam ainda menos confiança, e o Galo nem é novidade no Brasileirão, passar por situações assim. O Cruzeiro que de tanto esperávamos na Liberta, e mesmo depois disso, ganhou o Mineiro e todos pensavam que viria uma grande campanha no BR, a raposa nos decepicona com essa pífia campanha. Só faltam 12! Abraços, passa lá:

    http://porpabloparaosapaixonadosporfutebol.blogspot.com/2011/09/sheik-poe-corinthians-na-vice-lideranca.html

    ResponderExcluir