domingo, 19 de agosto de 2012

ERRAR É HUMANO. PERSISTIR NO ERRO É ÁRBITRO DE FUTEBOL!

E aí galera Apaixonada por Futebol!

Há algum tempo estava pensando em arbitragem brasileira e essa semana passei a pensar em âmbito mundial. Mundial, devido ao que aconteceu nas Olimpíadas de Londres com o boxeador brasileiro, Esquiva Falcão, que foi garfado em dois pontos e ficou sem a medalha de ouro. O lutador poderia ter subido no lugar mais alto do pódio, mas devido as penalidades aplicadas pelo árbitro polonês Mariusk Gorny acabou sacramentando a vitória do japonês Ryota Murata por 14 x 13. O COB (Comitê Olímpico Brasileiro) já entrou com pedido de revisão do resultado.
O BRA-12 conta com erros de arbitragem aos montes e não polpa nenhum clube ou privilegia algum Estado, as falhas e equívocos são para todos. Contrariando o que diz alguns comentaristas que insistem dizer que o Corinthians e os times do Rio de Janeiro são beneficiados pela arbitragem. 

Contabilizando os erros grosseiros e que alteraram resultados, encontramos mais de um por rodada. 

Hoje foi a vez do Corinthians ser prejudicado e muito prejudicado. No lance que resultou no segundo gol santista, o assistente Emerson Augusto de Carvalho errou três vezes. Bruno Rodrigo, Durval e André estavam impedidos, mas ele não levantou a bandeira nenhuma vez.

Os árbitros selecionados para as partidas são totalmente despreparados e fica mais evidente através de decisão do STJD em suspender Héber Roberto Lopes por quinze dias. Denunciado por não punir o goleiro Valdemar (América - RN) com o cartão vermelho após atingir a perna esquerda do atleta adversário com uma voadora violenta. Sem a interferência de algum clube pedindo, não me recordo de episódio semelhante a este.

Se a decisão que foi tomada na Serie-B fosse replicada para as atuações da divisão principal, acredito que os erros seriam minimizados. Não digo que acabariam, por que todos são humanos e passivos de erros, mas diminuiriam ao extremo.

Finalizada a décima oitava rodada, podemos dizer que mais uma vez um clássico foi decidido no apito como tantas outras partidas nesse Campeonato Brasileiro.

O que você acha? Qual a qualidade de nossos árbitros?

2 Comentários:

  1. Clériston,

    nossa arbitragem é horrível, amadora, muito amadora.

    Eu já falei isso mais de 1000 vezes, enquanto não profissionalizarmos a arbitragem vamos ter esses erros em todos os jogos importantes.

    Infelizmente o cara é advogado, delegado, médico, e nas horas vagas faz um biquinho de árbitro ou assistente para ajudar na renda... é ou não é verdade.

    E por isso vamos vivendo assim, o erro contra hoje é erro a favor de amanhã.

    BLOG DO CLEBER SOARES
    www.clebersoares.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. BANDERINHA SAFADO!!!

    ResponderExcluir