domingo, 21 de julho de 2013

RODADA DOS PAULISTAS: SP AFUNDOU... ALEX PARA O SANTOS... CORINTHIANS PARA NA POÇA... E O VERDÃO VAI BEM...

E aí galera Apaixonada por Futebol!

O Campeonato Brasileiro chegou a sua oitava rodada e os clubes paulistas ainda não se encontraram. O posicionamento do três grandes que disputam a serie A limita-se apenas ao sétimo lugar (dependendo dos resultados dos jogos das 18hs30) ocupado pelo Santos de Neilton.

O São Paulo, apelidado de soberano, vive seu pior momento desde sua fundação. Acumulou sua sétima derrota seguida. Na noite de sábado, Luan foi o responsável por exterminar o tricolor em pleno Morumbi. Fato que se tornou comum. A única soberania que se enxerga na atual conjuntura tricolor é a do poder.

Sem duvida, o modo pelo qual é conduzido por Juvenal Juvêncio e seu fiel escudeiro, Adalberto Batista, é prejudicial ao clube, elenco e isso reflete dentro de campo.

Tenho "dó" do técnico Paulo Autuori. Não posso dizer que é um profissional de currículo invejável, mas foi o responsável por conduzir o tricolor em 2005 as maiores conquistas do clube após a gestão de Telê Santana. E nessa nova passagem terá de conviver com sombra de um dirigente que poderá repetir o fim da gestão de Dualib, no Corinthians, e Tirone, no Palmeiras, que culminaram no rebaixamento.

O Santos, em fase de reestruturação, vem encontrando em Neilton uma nova promessa para um clube acostumado revelar grandes jogadores. Hoje, o jogador foi o responsável por abrir o placar diante da única equipe invicta do torneio. Mas se o Peixe vê nesse garoto uma promessa, o Coritiba tem uma realidade em campo, Alex marcou os dois que garantiram o empate fora de casa.

Corinthians e Atlético - PR fizeram uma partida prejudicada por forte chuva e uma péssima drenagem do gramado que insistiu em permanecer encharcado. Futebol que é bom, "nada". Em bobeada da defesa corintiana, Marcelo aproveitou passe de Paulo Baier e abriu o placar logo aos 5 minutos.

A força física foi o recurso usado pelos jogadores em campo. Desta forma, Renato Augusto carregou a bola pela ponta direita aos 25 minutos e fez ótimo cruzamento para Pato. O atacante cabeceou firme e empatou o jogo. 

Com grande dificuldade para conduzir a bola a melhor opção era deixar a bola longe de seu campo de defesa. Desta forma, o jogo não foi nada agradável  O Atlético se adaptou com mais facilidade ao estado do gramado e proporcional mais jogadas de perigo, rodando mais o gol de Cássio, que se antecipava para não sofrer com chutes de fora da área. Empate em 1 a 1, ruim para ambos!

E o Palmeiras, hein? Vai bem, obrigado!

Na tarde de sábado, aos 42 minutos do segundo tempo, Valdívia garantiu a vitória do Palmeiras por 3 a 2 contra o Figueirense, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela nona rodada da Série B do Brasileiro. O alviverde fez excelente segundo tempo, com três atacantes em campo e um jogador a mais e assim assumiu a liderança da competição.

Valdívia fez sua terceira partida consecutiva e apresentou um bom futebol em todas. Coincidência ou não, com o meia em campo, o Verdão venceu as três últimas e vem crescendo na competição. Assumiu a posição em que todos esperam ver, líder.

Provocador, criativo, bem na armação e nos desarmes, tem o comando da equipe e, principalmente, decisivo. Esse foi o Valdívia que vimos em campo nas últimas três partidas, resultado: Palmeiras 4 x 0 Oeste; Palmeiras 4 x 1 ABC e Figueirense 2 x 3 Palmeiras.

Ainda é cedo, mas será que teremos ao final: Palmeiras subindo e São Paulo caindo?

0 Comentários:

Postar um comentário